10/11/2010

Bolhas gigantes de energia encontradas na galáxia intrigam astrônomos


Há algo ocorrendo no centro da galáxia, e os astrônomos não sabem ainda dizer o que é.

O telescópio de raios gama Fermi, da Nasa (agência espacial norte-americana) revelou uma estrutura até então desconhecida bem no centro da Via Láctea.

Acompanhe a Folha no Twitter
Conheça a página da Folha no Facebook

As duas bolhas com limites bem definidos e emissoras de raios gama se estendem por 25 mil anos-luz para o norte e para o sul do centro galático e reúnem uma energia equivalente a cem mil explosões de supernovas.

As origens das bolhas ainda são um mistério para os cientistas. "Não entendemos completamente sua natureza ou origem", disse astrônomo Doug Finkbeiner, do Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian Center em Cambridge (EUA).

Imagina-se que possam ser remanescentes de uma erupção de um buraco negro ou que são alimentadas por uma sucessão de nascimentos e mortes de estrelas no interior da galáxia.

O estudo será publicado no "The Astrophysical Journal".

Um comentário:

Anônimo disse...

eu leio varios livros e um deles é a bíblia,e uma coisa é serta são os sinas da volta de Jesus, porque na sua palavra diz que ele voltara com todo o seu exercito e vai precisar de uma passagem astronomica pela constelação de orion e todo o olho o vera, e esse livro pelo o que eu tenho visto é o unico que não entra em contradição nas suas escritas,pos eu te digo não sou religioso mais eu nunca vi tal palavras estarem em armonia com os acontecimentos que tenho visto.

Blog Widget by LinkWithin